>Dentista Gay

>dentista gay

Hoje recebi de um leitor do blog um link sobre uma clínica dentária voltada para o atendimento GLTB. Lembrei de um texto sobre Odontologia de Nicho, onde o Marcos sugeriu explorar, entre outros, a Odontologia GBLTS. Acredito que seja bastante rentável, dado o número de homossexuais que existem no Brasil (18 milhões, segundo o Marcos) mas, ao mesmo tempo, fico admirado de como não existam mais clínicas dentárias como esta. E felizmente são poucas!!

Não atirem pedras, vou explicar.

A clínica Odontologia Diferenciada (onde trabalha o Drº Charles Simões, Miss Brasil Gay 2009) numa primeira abordagem parece propor um conceito correto e inovador, passo a citar:

Recebemos e analizamos cada paciente, cada caso clínico como um todo, temos o cuidado de integrar o tratamento oral com a saúde geral do paciente, orientando individualmente a mudança de hábitos como dieta, higiene, exercícios, postura, prevenção contra doenças sexualmente transmissíveis, bem como, analizamos também suas necessidades psicológicas.(Ser diferente …faz diferença)

Ótimo, até aí tudo bem, dentista gay atende pacientes gays, compreendem melhor seus anseios e necessidades e até dão apoio psicológico. Tudo como manda a cartilha.
Mas aí a coisa começa a entrar por um campo que, para mim, soa um pouco estranho:

Inovando nas fronteiras da terapêutica clínica odontológica buscamos dar aos pacientes um tratamento diferenciado, para isso contamos com o apoio da Terapeuta Holística e Parapsicóloga Pós- Graduada…

Parapsicóloga??? Pensei tratar-se de um erro de ortografia, mas não, realmente esta clínica dentária propõe  acompanhamento de uma pós-graduada na ciências do paranormal!

Não vou entrar em discussões científicas, religiosas ou filosóficas, mas digam o que disserem, ODONTOLOGIA definitivamente não combina com PARAPSICOLOGIA. Se o diferencial que oferecem é este, é bom mesmo que não existam muitas clínicas dentárias assim.

Bizarro.

11 comentários

  1. Mônica Noronha do Nascimento

    >Sou contra qualquer tipo de segmentação; não concordo com odontologia voltada apenas para o grupo GBLTS (considero preconceito) e nem dentista gay para pacientes gays (considero exploração de mercado, estratégia de marketing – e preconceito). Agora, essa tal clínica, não sabe nem português, que dirá odontologia! Analizamos com "Z"???? Que vergonha!!!!!!!!!!!!!!!!!

  2. Ricardo Ferreira de Paula

    >Olha, o que vi e me fez torcer o nariz são os macaquinhos pendurados no equipo, aquilo é meio anti-higiênico, sei lá.

  3. >HAHAHA! Porque eles não chamam o rapaz da Biocibernética! Pacotão Holístico! ;-P

  4. >Sem comentários!Imagino uma carola papa hóstia(com ou sem H), ou matuto desavisado e com uma dor de dente calibre 12, adentrando a clinica, sem saber, como seria? É tanta novidade que nem sei oque pensar, essas coisas me fazem ter saudade do tempo do grau e do pistilo! A vida era mais simples de viver!!!!

  5. >Não falta mais nada definitivamente não falta mais nada! Bem poderiam inaugurar clinicas com motivos futebolisticos, clinica do Timão, unidos ate na dor, Crínica do Parmera!!!Dentão Mengão! as possibilidades são infinitas, besteria pouca é bobagemmmmm!!!!!!!!!

  6. >hhahahaha

  7. >Ei por que não dentista caloteiro, com o slogan, caloterio vai em caloteiro, isso, seria um grande bem para toda a profissão, já que paciente caloteiro e dentista enrolão estão em pé de igualdade numérica!

  8. >Achei oportuna a idéia da clínica, pois se já existe academia somente para mulheres, porque não dentista para o publico GLS? Ví as fotos da clínica e não deixam a desejar em nada no cuidado com os equipamentos e higiene, coisa que muitos colegas Homens com H ou mulheres com M avacalham, agora os macaquinhos no equipo, poderiam ter sido pendurados em outro lugar…

  9. >A segmentação de mercados é uma alternativa para se conquistar pacientes em grandes centros. Sou dentista e tenho pós em adm e marketing e vejo tal prática com bons olhos , o mundo mudou e nós devemos acompanhá-lo. Oferecer um serviço de qualidade hoje em dia já não é diferencial e sim o mínimo que o mercado exige , bons tempos não voltam em que nossos colegas enriqueciam fazendo restaurações e extrações. Com respeito a parapsicologia e demais alternativas trata-se de algo dispensável e creio que o profissional não necessita ser gay para atender gay e sim não ter preconceito. abraço aos demais colegas

  10. >NEM DEUS AGRADOU. FUI A CLINICA QUE ALGUMAS PESSOAS AQUI ESTÃO CRITICANDO E AMEIIII…É UMA LIMPEZA E UMA QUALIDADE DE ATENDIMENTO QUE NUNCA ENCONTREI EM NENHUMA OUTRA. ELAS TEM VÁRIOS DIFERENCIAIS NA CLINICA COMO ACUPUNTURA;ATENDIMENTO PARAPSICOLÓGICO, QUE POR SINAL A PROFISSIONAL É MARAVILHOSA!!; HIPNOSE CLINICA; TODAS AS ESPECIALIDADES DA ODONTOLOGIA E FORA QUE CHEGAMOS PACIENTES E VIRAMOS AMIGOS. E UMA OUTRA COISA, QUEM FALA MAL É PQ NÃO TEM COMPETÊNCIA PARA FAZER O QUE ELAS FAZEM. VALE A PENA CONFERIR.EU FUI E ESTOU SENDO ATENDIDA E TB NÃO SOU GAY. LÁ ELAS ATENDEM A TODOS.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Scroll To Top